26 de abr de 2016

26 DE ABRIL - Celebração do Dia

Oxum por Thalia Took
Comemoração do Ano Novo em Serra Leoa com oferendas de sementes e orações para as deusas da fertilidade e da água. 

Celebração de outras deusas da água em vários lugares da África
Abenawa Aberewa, protetoras da pesca em Gana; 
Afreketé, protetora do mar em Dahomey
Agiri, protetora dos rios em Benim; 
Harrakoi Dikko, a Mãe d'Água em Benim; 
Mukasa, protetora da pesca e Nagodya, protetora dos lagos em Uganda
Nummo, a Mãe d'Água primordial em Mali
Oxum, deusa da água e da sexualidade; 
Obá, deusa do rio e do amor e Yemanjá, a Mãe Universal, Senhora das Águas na Nigéria. As últimas três deusas foram sincretizadas nos cultos afro-brasileiros e relacionadas a santas católicas ou a manifestações da Virgem Maria.

Nos países bálticos, oferendas para as sereias Jurates. Filhas da deusa do mar Juras Mate e irmãs de Zeme, a deusa da terra, elas eram relacionadas aos poderes fertilizadores da água e à sedução dos homens, atraindo os marinheiros com seu canto.


*informações extraídas do livro “O Anuário da Grande Mãe”, de Mirella Faur. http://www.teiadethea.org/

Nenhum comentário:

Postar um comentário