14 de jun de 2016

14 DE JUNHO - Celebração do Dia

Dia das Musas

Em número de nove, na tradição grega elas eram filhas de Zeus, o rei dos deuses e de Mnemosyna, a deusa da memória. Nascidas perto do Monte Olimpo, foram criadas pelo caçador Crotus que, após sua morte, foi transformado na constelação de Sagitário.


Conforme os autores, o número e os nomes das Musas variam de três a nove, embora na maioria dos mitos fale-se sempre sobre nove Musas. Elas eram Clio, a regente da fama, da historia e dos escritos; Euterpe, a regente da alegria e da musica; Thalia, "a festiva" e regente da comédia; Melpômene, "a entristecida" e regente da tragédia; Terpsichore, a amante da dança e do canto; Erato, "a que desperta o desejo", regente da poesia erótica; Polyhymnia, "a que medita", regente da meditação e dos hinos; Urania, "a celeste", regente da astronomia e, finalmente, Kalliope, "a que tem a voz bonita", regente da poesia épica.


Às vezes, eram mencionadas apenas três Musas: Melete, a que praticava, Mneme, a que recordava e Aoide, a que cantava.

Havia também nomes diferentes para o grupo todo, de acordo com a localização: Carmente, Pieriade, Aganippide, Castalide, Heliconiade ou Meonide.

Ritual do Dia:
As Musas são detentoras de poderes proféticos e da capacidade de inspirar e estimular a criatividade dos artistas. Para homenageá-las, ofereça-lhes leite, mel, flores, aromas e musica. Assista a uma manifestação cultural ou artística ou prestigie algum artista divulgando seu trabalho.

*informações extraídas do livro “O Anuário da Grande Mãe”, de Mirella Faur.  http://www.teiadethea.org/

Nenhum comentário:

Postar um comentário